Vacinação em massa será realizada neste domingo em Paquetá

Projeto prevê evento-teste com público para avaliar os efeitos da imunização em larga escala

Rio – A vacinação contra covid-19 de toda população a partir de 18 anos da Ilha de Paquetá começa neste domingo. Serão quatro pontos com postos de imunização, para facilitar o acesso dos moradores e evitar aglomerações: UIS Manoel Arthur Villaboim, Parque Darke de Mattos, Paquetá Iate Clube e Casa de Artes Paquetá. Apenas a população residente será vacinada, conforme os cadastros da Estratégia Saúde da Família e os feitos durante a última semana, sendo vetada a participação de turistas que tenham ido passar o domingo na ilha.

O projeto “PaqueTá vacinada” é realizado pela SMS com apoio da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A ilha tem uma população de 4.180 moradores, dos quais 3.530 fazem parte do grupo elegível cadastrado na Estratégia Saúde da Família. O objetivo é avaliar os efeitos da imunização em larga escala e como a vacinação em massa atua na proteção também de pessoas que não foram vacinadas, como é o caso das crianças e adolescentes. Com a cobertura vacinal total da população alvo, a ilha deverá sediar o primeiro evento-teste com público na cidade.

Segundo a SMS, além de observar se a primeira dose da vacina será capaz de evitar a transmissão dos casos na região ou se isso só acontece efetivamente após a aplicação da segunda dose. Antes da vacinação, cerca de 3 mil moradores, tanto maiores quanto menores de idade, passam por exame de sangue sorológico ou teste rápido na Unidade Integrada de Saúde Manoel Arthur Villaboim e no Paquetá Iate Clube. 

Próximo Post