Rio começa a vacinar pessoas de 57 anos nesta segunda contra a covid-19

Outros municípios como São Gonçalo, Belford Roxo, Nilópolis e Guapimirim também estão realizando a vacinação do público geral por escalonamento de idade

2,27 milhões de pessoas já foram vacinadas com a primeira dose no município do Rio de JaneiroImagem Arquivo

Rio – A campanha de vacinação contra a covid-19 segue sendo feita em larga escala para a população carioca. A partir de segunda-feira (7), pessoas de 57 anos poderão receber a primeira dose do imunizante, que será distribuído às mulheres no horário da manhã e aos homens durante a tarde.

Na manhã deste domingo, foi registrado que 2,27 milhões de pessoas já foram vacinadas com a primeira dose no Rio, o que representa 33,7% da população total e 43,1% do público acima de 18 anos. O planejamento da prefeitura é aplicar 30 mil doses por dia e a campanha deve completar toda a cobertura vacinal até o final de outubro.

O calendário desta semana também atende aos profissionais da educação, que foi antecipado pela prefeitura. Agora, todos os trabalhadores da educação básica (creche, pré-escola, ensino fundamental e médio) acima de 18 anos podem comparecer na quarta-feira (9) para receber a primeira dose do imunizante. É necessário apresentar documento que comprove o vínculo empregatício, podendo ser o contracheque ou uma declaração das instituições educacionais, em conjunto com a identidade, CPF e, se possível, a caderneta de vacinação.

Confira a vacinação na Baixada Fluminense

Na Baixada Fluminense, os municípios de Belford Roxo, Nilópolis e Guapimirim também estão aplicando a vacinação para a população comum seguindo o escalonamento por idade. A prefeitura de Japeri e Magé seguem realizando a campanha dos grupos e categorias prioritárias.

Em Belford Roxo, o calendário está previsto até terça-feira (8). Mulheres (na segunda) e homens (na terça) com 54 anos ou mais podem receber a primeira dose da vacina. Homens com comorbidade entre 45 e 35 anos também serão contemplados na segunda.

Em Nilópolis, a partir da segunda-feira começa a vacinação de pessoas sem comorbidade por escalonamento de idade. O calendário inicia com mulheres de 59 anos, na terça, homens com 59 anos, e quarta-feira é o dia de repescagem para quem não compareceu nos dias anteriores. Os trabalhadores da educação continuam a ser imunizados.

Em Guapimirim, homens de 59 anos serão contemplados na segunda, na terça é a vez das mulheres de 59. Na quarta-feira, ambos os sexos com a mesma idade podem comparecer.

Em Japeri a população privada de liberdade foi incluída entre os grupos prioritários. O município segue convocando pessoas com comorbidades acima de 18 anos, pessoas com deficiência, pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores portuários, profissionais da saúde e guardas municipais.

Em Magé, pessoas com 38 anos ou mais com comorbidades podem ser vacinadas. Trabalhadores da educação a partir dos 50 anos também podem receber o imunizante na segunda-feira (7).

São Gonçalo iniciou a vacinação por idade

No município de São Gonçalo, pessoas com mais de 59 anos poderão se vacinar segunda (7) e terça-feira (8). Durante toda a semana, os trabalhadores da Educação, profissionais de educação física, guardas municipais e veterinários com mais de 30 anos também poderão se vacinar.

Desde o início da campanha, a cidade vacinou com a primeira dose 235.256 pessoas, sendo 29.256 trabalhadores da saúde e 134.187 idosos com mais de 60 anos. Também foram imunizadas 65.664 pessoas com comorbidades, além de outros diferentes segmentos, como: trabalhadores da educação (792), segurança e salvamento (24), indígenas (2), funcionários de instituições permanentes (1.692), acamados (2.739), pessoas com deficiência (795) e pessoas de residências terapêuticas (105).

Via: O Dia
Próximo Post