Porta-voz diz que morte de PMs não vai ficar impune

Em entrevista, major Ivan Blaz disse que as polícias Civil e Militar estão nas ruas para identificar e prender os executores do cabo Helder Augusto e do soldado Sérgio Belchior

Rio – O Porta-voz da Polícia Militar, major Ivan Blaz, disse na manhã desta quinta-feira (17) que as polícias Civil e Militar estão empenhadas para localizar e prender os envolvidos no ataque a tiros que resultou na morte de dois policiais militares, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O soldado Sérgio Magalhães Belchior e o cabo Helder Augusto Gonçalves Silveira, estavam em um viatura baseada em uma rua de acesso à Rodovia Presidente Dutra, a Via Dutra, no bairro Posse, na noite desta quarta-feira. 

Blaz classificou como absurda audácia dos bandidos. Em entrevista à Rádio Tupi, reforçou que o crime não pode ficar impune. 

Próximo Post