quinta-feira, 21 de outubro de 2021
17 °c
Rio de Janeiro

Helicóptero da Polícia Civil é apreendido em ação de garimpo ilegal

Instituição afirma que a aeronave foi entregue à seguradora em 2013 após um acidente

Rio – Um helicóptero apreendido durante uma ação da Polícia Federal (PF) contra o garimpo ilegal feita no último dia 26 de agosto em terras Yanomami, em Roraima, tem, nos registros da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a Polícia Civil do Rio de Janeiro como dona. 

Segundo a Anac, o helicóptero consta no Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB) como pertencente à Polícia Civil do Rio. Procurada pelo DIA, portanto, a Polícia Civil informou que o helicóptero foi entregue à seguradora em 2013 após um acidente e não pertence mais à instituição.

Além disso, afirmou que “o procedimento foi entregue para a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) à época, seguindo o protocolo. A matrícula do helicóptero também foi cancelada na mesma ocasião”.

A Anac, por sua vez, nega que a matrícula tenha sido cancelada. “O helicóptero de matrícula PP-EIH, interditado durante a operação Yanomami, está registrado em nome da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, conforme as informações do Registro Aeronáutico Brasileiro. O Certificado de Aeronavegabilidade da aeronave foi cancelado pela ANAC por motivos de falta de registro de manutenção, em 2014, não havendo outro tipo de comunicado pela Polícia Civil do Rio sobre a situação do helicóptero”.

Next Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *