Entregadores e motoristas de aplicativo fazem ato em apoio a PL que amplia direitos das classes

Ação começou nesta segunda-feira, às 15h, em frente à Câmara de Vereadores, na Cinelândia, onde ocorreu a primeira audiência para discutir o projeto

Rio – Dezenas de entregadores de delivery e motoristas de carro de aplicativo participaram de ato na Cinelândia, em frente à Câmara dos Vereadores, nesta segunda-feira. O ato marca a conclusão de audiência pública para discussão do Projeto de Lei 103/2021, do vereador Tarcísio Motta, que pede a criação de cerca de 15 bases com espaços como locais de descanso, internet, banheiros e refeitórios para os profissionais que atuam pelos aplicativos. 

O ato foi marcado para às 15h, em frente à Câmara dos Vereadores, na Cinelândia, e contou com a presença de cerca de 100 trabalhadores e integrantes de movimentos sociais em defesa dos profissionais. Na ação, foram distribuídas 350 quentinhas para os trabalhadores que não conseguiram almoçar. Um trio elétrico também foi utilizado para chamar a atenção das pessoas que passavam pela praça.

Próximo Post