Disque Denúncia registra 539 queixas sobre construções irregulares em 2021

Número de queixas de janeiro a junho é mais alto em bairros da Zona Oeste do Rio. Entre eles aparece Jacarepaguá, onde está a comunidade Rio das Pedras

Prédio de quatro andares desabou na madrugada desta quinta-feira em Rio das PedrasDaniel Castelo Branco / Agência O DIA

Rio – Após desabamento de imóvel no Rio das Pedras, Disque Denúncia revela que recebeu 539 queixas de construções irregulares, loteamento irregular e invasão de propriedades só de janeiro a junho na cidade do Rio. O levantamento aponta a bairros da Zona Oeste como a região com maior incidência dessas denúncias, região abriga comunidade do Rio das Pedras, onde prédio desabou nesta quinta-feira. 

De acordo com o Disque Denúncia, Jacarepaguá, Campo Grande, Guaratiba e Santa Cruz, foram os bairros que mais registraram queixas, sendo a maioria alvo direto de grupos milicianos. A atividade de grilagem dos imóveis foi uma das maneiras encontradas pelos paramilitares para diversificar as já tradicionais formas de arrecadação criminosa.

“Moradores são expulsos de suas residências e áreas de conservação ambiental são invadidas, para que loteamentos irregulares sejam construídos de forma irregular e vendidos, sem que haja fiscalização e as licenças necessárias do poder público”, disse o órgão. 

Até o momento, não há relação confirmada entre a milícia e o imóvel desabado na comunidade de Rio das Pedras. A tragédia resultou na morte de duas pessoas e quatro feridas.  

Via: O Dia
Próximo Post