CPI das crianças desaparecidas cobra explicações de empresas telefônicas

Dentre os assuntos debatidos, esteve o caso de três meninos que desapareceram no dia 27 de dezembro do ano passado na comunidade Castelar, em Belford Roxo

Rio – Começou nesta quinta-feira, oficialmente, o trabalho da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), que irá apurar a atuação do poder público no desaparecimento de crianças no estado do Rio.

Participaram da reunião o relator Danniel Librelon (Republicanos), o presidente Alexandre Knoploch (PSL), a vice-presidente Renata Souza (Psol) e a deputada membro Lucinha (PSDB).

Próximo Post