CPI da Intolerância Religiosa pedirá lista de ocorrências de casos à Polícia Civil

Em audiência virtual, parlamentares que fazem parte da comissão ouviram, nesta quinta-feira, representantes do Candomblé e da Igreja Católica

Rio – A Alerj pedirá à Polícia Civil as ocorrências de crimes de intolerância religiosa que aconteceram no Rio. O pedido da CPI tem o objetivo de identificar pessoas que estimulam os discursos e as práticas criminosas. Em audiência virtual, parlamentares que fazem parte da comissão ouviram, nesta quinta-feira, representantes do Candomblé e da Igreja Católica.

” Ficou claro nos depoimentos acolhidos que existem pessoas que exercem a liderança para disseminação do ódio em razão da religião. Portanto, a CPI oficiará a Polícia Civil para buscar informações sobre a prática de condutas descritas no artigo 208 do Código Penal, bem como na lei que trata de racismo em razão de religião, raça ou etnia. Temos absoluta certeza que é necessário identificar essas lideranças como forma de enfrentar o racismo religioso”, afirmou a deputada Martha Rocha (PDT).

Próximo Post